Gesner Oliveira: eleição de Trump afeta os mercados de renda fixa

0
853

São Paulo, 16/11/2016 – Transcorrida uma semana após a eleição de Donald Trump nos Estados Unidos, não são apenas o dólar e a bolsa que têm apresentado maus resultados, mas os mercados de renda fixa também. Segundo o economista Gesner Oliveira, sócio da GO Associados, “títulos públicos prefixados e indexados à inflação também têm apresentado retorno negativo nos últimos dias”. Como exemplo, a NTN-B, título indexado ao IPCA, com vencimento em 15 de agosto de 2014, viu seu preço cair 4,00% desde o dia 8.

Conforme Gesner, isso acontece porque, com a expectativa de taxas de juros mais elevadas no futuro, os títulos prefixados perdem valor. “Essa variação de preço, contudo, pode ser um problema apenas para aqueles que querem ou precisam se desfazer dos títulos antes do seu vencimento”, afirmou o economista em sua coluna na rádio Bandeirantes, ontem pela manhã.

“A mudança de cenário para a economia brasileira pode ser vista no boletim Focus que foi divulgado ontem pelo Banco Central”, lembrou. Agora a mediana do mercado prevê queda de apenas 0,25 p.p. na taxa Selic na próxima reunião do Copom, que vai acontecer nos dias 29 e 30 de novembro. Caso isso ocorra, a Selic fechará o ano em 13,75% a.a., ante projeção da semana anterior que era de 13,50% a.a.. A projeção para o dólar também sofreu alta para este ano, de R$ 3,20 para R$ 3,22, mas, para Gesner, “ainda não reflete toda a mudança esperada para o dólar até o fim do ano, que deve ser captada melhor na semana que vem”.

Outra variável que vem sofrendo reajustes para baixo em sua projeção é o PIB, que caiu pela sexta semana seguida, de -3,31% para -3,37%. A projeção para 2017 também vem se reduzindo, e agora está em 1,13%, ante projeção de 1,20% da semana passada. “A única boa notícia é a continuidade da redução da projeção de inflação, que para este ano caiu de 6,88% para 6,84% e para o ano que vem, de 4,94% para 4,93%”, afirmou.

Rafael Oliveira – rafael.oliveira@goassoicados.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.