Indústria começa trimestre em queda e deve amargar queda de 6,8% no ano

0
550

São Paulo, 02/12/2016 – A produção industrial apresentou queda de 1,1% em outubro em relação a setembro, segundo divulgação do IBGE da Pesquisa Industrial Mensal. Desta forma, a indústria volta a apresentar o menor nível de produção desde dezembro de 2008, auge da crise financeira internacional.  Na comparação com o mês de outubro de 2015, a queda foi de 7,3%. No ano, o setor apresenta retração de 7,7% e no acumulado dos últimos 12 meses a queda foi de 8,4%.

Todas as grandes categorias econômicas apresentaram queda no mês. Pelo segundo mês seguido, a categoria de bens de capital apresentou a maior queda, de 2,2% no mês.  Depois de crescer 6,1% no segundo trimestre, a categoria apresentou queda de 2,5% no terceiro trimestre e começa o quarto trimestre em queda de 2,2%, devolvendo praticamente toda a alta acumulada no segundo trimestre. Este é um mal sinal, pois o desempenho do setor sugere que os investimentos continuam se retraindo no quarto trimestre do ano.

Das demais grandes categorias, a de bens intermediários recuou 1,9%, de bens de consumo duráveis caiu 1,2% e de consumo de bens não duráveis recuou 0,8%.

O resultado de hoje reforça a percepção de que o PIB deve apresentar nova queda no quarto trimestre do ano. A GO Associados projeta modesta queda do PIB de 0,2% em relação ao trimestre anterior. A indústria caminha para seu terceiro ano de queda. A GO Associados projeta retração de 6,8% em 2016, o que significa uma queda acumulada de 17,1% no triênio 2014/16.

Para 2017, projetamos ligeira recuperação, de 0,6%, refletindo o processo de redução dos juros pelo Banco Central.

Luiz Fernando Castelli – luiz.castelli@goassociados.com.br

DEIXE UMA RESPOSTA

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.