Programa Avançar: Cobrança de recursos e a importância das pequenas obras

0
559

“O nome do programa federal pouco importa. O importante é que haja recursos orçamentários e fluxo financeiro para os projetos”. E “Obras menores também são importantes porque estimulam a economia em todo o país. Você as pulveriza pelas diversas regiões”.

Estas foram declarações feitas pelo presidente da CBIC, José Carlos Martins, na reportagem do Globo, do último domingo, intitulada “Governo quer lançar novo PAC de R$ 53 bi (Programa Avançar terá projetos que vão da construção de creches à infraestrutura, mas só com dinheiro público)”.

Trecho da abertura da matéria: “O perfil dos empreendimentos é diversificado, inclui projetos de pequeno e de grande porte e envolve desde as áreas sociais, como construção de unidades de saúde e creches, até setores da infraestrutura, como energia, rodovias, portos, ferrovias, aeroportos e Defesa”.

Ouvido a respeito para este Informe, o presidente da APEOP, Luciano Amadio, afirmou: “Esse esforço do governo federal para a retomada de obras, como forma de aquecer a economia e gerar empregos, deveria ser seguido pelos governadores e prefeitos que tiverem condições de fazê-lo. Está na hora de priorizar as obras em andamento, agora e não quando o calendário político-eleitoral for conveniente, pois até lá as empresas já terão fechado suas portas”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.