Destaques da Imprensa 17/01

0
820

Investidor aguarda detalhes sobre concessões de saneamento

São Paulo, 17/01/2017 – À espera de mais detalhes,  o setor privado avalia o interesse na primeira rodada de concessões de seis empresas estaduais de saneamento dentro do Programa de Parcerias de Investimentos (PPI), segundo matéria publicada no jornal O Valor Econômico.  Profissionais do setor ponderam que há empresas com situação financeira complicada e alta demanda por investimento para rever péssimos indicadores de abastecimento de água e esgoto.

Segundo a matéria, eles também argumentam que o processo de reestruturação como um todo pode superar dois anos e que a modelagem de cada projeto será determinante para a atração do capital privado para as seis estatais na primeira leva de negócios do PPI.

Para ler a matéria completa, clique no link abaixo:

Matéria – Valor Econômico

Alckmin congela R$ 1,2 bi em investimentos para 2017

O governador Geraldo Alckmin (PSDB) decidiu congelar R$ 1,2 bilhão em investimentos previstos para este ano em todo o Estado. O valor corresponde a 9% dos cerca de R$ 13 bilhões que o governo previa aplicar em obras e programas ao longo de 2017, segundo matéria publicada no jornal O Estado de S. Paulo.

Ao todo, Alckmin contingenciou R$ 5 bilhões do orçamento deste ano, que é de R$ 206 bilhões. A maior parte dos congelamentos incide sobre as despesas correntes, como manutenção de equipamentos públicos, e não atinge os gastos com pessoal, como folha de pagamento do funcionalismo.

Os valores constam de planilha anexada ao Decreto 62.413/17, que define regras para a execução do Orçamento deste ano, e não incluem as despesas das empresas consideradas não-dependentes do governo, como Metrô e Sabesp.

De acordo com o governo, ficam preservados do congelamento deste ano o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb), Organizações Sociais (OS), Diária Especial por Jornada Extraordinária de Trabalho da Policial Militar (Dejem), Diária extraordinária de jornada especial penitenciária (Dejep), subsídio do Metrô e aportes para Parcerias Público-Privadas (PPPs).

Para ler a matéria completa, clique no link abaixo:

Matéria – Estadão

DEIXE UMA RESPOSTA

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.