Caged deve voltar a mostrar saldo positivo de vagas a partir de abril

0
650

São Paulo, 03/03/17 – O Ministério do Trabalho divulgou hoje os dados do Caged referente ao mês de janeiro, e mostrou que o país seguiu perdendo vagas formais de emprego no período.

O saldo negativo entre admitidos e demitidos foi de 40,8 mil no período. O número foi pior que a projeção da GO Associados e da mediana do mercado, que eram de -10,9 mil e – 31,8 mil, respectivamente.

No entanto, o número foi melhor que o de janeiro de 2016, quando 99,7 mil vagas foram fechadas. No acumulado em 12 meses, o saldo negativo de empregos CLT foi de 1,28 milhão, ante queda de 1,32 milhão em dezembro.

Em termos setoriais, a indústria voltou a apresentar números positivos no mês, com a criação líquida de 17,5 mil empregos com carteira assinada, refletindo o processo de retomada da atividade econômica apresentado pelo setor desde o fim do ano passado.

Por outro lado, o comércio apresentou forte destruição de vagas, da ordem de 60,1 mil em janeiro, em virtude da sazonalidade do período (demissões de temporários) e da fraqueza do consumo interno.

A expectativa é que, a partir de abril, a economia brasileira volte a apresentar dados positivos de geração de empregos formais, reagindo com alguma defasagem a melhora da atividade econômica. Para 2017, a projeção da GO Associados é de geração de 150 mil empregos ao longo do ano.

(Luiz Castelli – luiz.castelli@goassociados.com.br)

DEIXE UMA RESPOSTA

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.